ENTREGUE valor em tudo que faz.

Quando eu decidi seguir um caminho próprio, buscando desenvolver minha autonomia com autenticidade, sabia que não teria uma única resposta para criar essa jornada. Só saberia a trajetória depois de a ter feito. E isso é um tanto quanto desafiador.

O que me mantém viva, apesar do desafio de pisar no escuro, é estar em constante aprendizado. Se eu estiver sempre em movimento, ou seja, fazendo algo, eu aprendo. E é materializando que eu ajudo as pessoas a minha volta e entrego valor. É concretizando ideias que as pessoas enxergam a importância naquilo que fazemos.

Alguns dos meus aprendizados nessa jornada de experimentação foram:

1 - Invista mais tempo fazendo suas ideias acontecerem. Gastar tempo planejando e analisando é uma perda de energia vital. Fazendo é que descobrimos o que serve ou não.

2 - As circunstâncias mudam e nós também mudamos ao longo do percurso. Planejar o que deve ser feito para chegar lá é bom, para usar como guia, mas não escreva o planejamento em pedra.

3 - Alinhe a sua ação do presente com a sua visão do futuro, mas não se apegue a forma. O importante é chegar lá, no seu futuro desejável. A forma que isso se dará não importa. Não depende só de você e da sua movimentação, fatores externos influenciam muito no que você pode vir a fazer.

4 - Quanto mais você mostrar o que estiver fazendo, mais pessoas saberão o que você tem a oferecer. Quando maior a ciência das pessoas, mais possibilidades de transformar seus sonhos em realidade. Se abra para acontecer coisas que você não espera. Se exponha e compartilharo que está fazendo.

5 - Vai com vergonha mesmo. Comece a fazer e pare de analisar. "Sua ideia já é boa o suficiente para alguém” - como diz o meu grande amigo, Larusso. Tente. Se não der certo, você terá infinitas chances de dar. 

Então arrisque. Comece logo. Qual atividade você vai oferecer para seus amigos e colegas do facebook? Compartilha!