Para quem você direciona seu trabalho? —  como e por que definir

Você já ouviu falar em persona? Muito usado no marketing, o termo se refere à pessoa para quem você direciona seu trabalho. Definir isso é fundamental antes de iniciar qualquer empreendimento.

Diferentemente do público-alvo, que é um perfil que contêm várias pessoas, a persona é um personagem que representa seu público alvo. Quando traçado a persona fica muito mais fácil pensar em como se comunicar e o que oferecer. Não há como circular de maneira fluida em um espaço que você não conhece.

Para te ajudar, algumas reflexões são importantes:

  • Qual é o perfil das pessoas com quem você gostaria de colocar seus talentos a serviço?
  • Quais são os problemas do público que você deseja atender? — Foque nos problemas.
  • Quais são as coisas que ela precisa fazer? — Entenda as necessidades, objetivos e desejos (usar verbos).
  • Quais são as coisas que a motivam? — Busque o que a faz movimentar, o significado pessoal.

A partir daí, crie a sua frase: um nome; adjetivos que representam a pessoa em mente e suas necessidades.

Exemplo:

Giovana, uma jovem que saiu do mercado corporativo há alguns anos. Engajada na economia colaborativa e nas “novas formas de viver”, precisa de uma maneira para suprir a sua necessidade de ser reconhecida pelo que faz e ser valorizada financeiramente — de forma que a faça sentir mais confiante e tranquila para continuar trabalhando alinhada ao que acredita.

Traçada a persona, hora de planejar e prototipar como sanar essas necessidades. Falo sobre isso em um próximo post.

Fazer a transição é gratificante mas exige coragem, enfrentar os medos, planejar os próximos passos e começar. Se você quiser um empurrãozinho para seguir seus objetivos, conte comigo!